sábado, 17 de outubro de 2015

Passeio Antiguinho . O Convento de Nossa Senhora da Conceição da Lapa . 2014

 O convento e elegantes de passagem. A senhora da frente está com um lindo jabô realçando o decote da blusa. Está muito bem, mas eu colocaria o jabô em uma gominha rala e depois passaria a ferro pra deixar mais armado, mais vistoso.
Não acham?
Quem usa muito bem uma blusa com jabô é a Christiana Neves da Rocha. Imaginemos a bela carioca desfilando na Joana Angélica.



 Uma caixa d'água instalada "entalada" em uma janela dos fundos do convento...nota pra "carregação"? 
Joana Angélica, tenha misericórdia!



 Feliz da cidade brasileira que possui em seu patrimônio um convento e igreja do século XVII tão bonito, tão imponente como este. Louvável as administrações dos países e das cidades que conservam a sua arquitetura, preservando assim, a sua história.
O Convento de Nossa Senhora da Conceição da Lapa felizmente está de pé! Melhor sorte não teve o Convento das Mercês - semelhante a este -  e demolido na segunda década do século XX.
Imagino as dificuldades por que passam quem administra atualmente o convento, já que sabemos que não é prioridade desses governos que se sucedem a manutenção com decência dos prédios históricos. 
Bem, nem vou ficar nessa ladainha de queixas e lamentações do que poderia ser melhor, o que deveria ser feito etc. Só quero aqui, constatar através das fotos, que muita coisa está fora da ordem, que em nome do funcionamento anda-se fazendo coisas, concessões e adaptações que não respeitam a idade da construção.










 Que lindo!!! Que imponência que ninguém mais vê, que ninguém se dá mais conta.
Madre Joana Angélica, não abandone o seu convento!
Proteja o seu convento.
Interceda pelo seu convento que é de todos nós!
Assim como era e para sempre.





 Grades e grades. 






 O piso desta parte da igreja, que fazia parte da clausura de onde as freiras assistiam às missas através do gradil, foi trocado. O que era de mármore, agora é lajota das mais comuns. Piso Eliane???????? Muito em conta...
Joana Angélica tenha pena de nós!



Fiz essas fotos sem a madre superiora ver.
Estou em pecado.
Abafe!






As paredes internas da igreja são revestidas de paviflex! Um céu de paviflex!
Imagino que a umidade era grande, não havia tinta que aguentasse, então, coloca paviflex, pelo amor de deus!
É o famoso jeitinho brasileiro e baiano.
Madre Joana Angélica, tenha piedade de nós!





Pequena bacia de água benta na parte interna do convento. Está no original...







Uma bacia de água benta - sempre seca -  foi pintada de azul. Rei. Pra ficar bem visível, bem em destaque e combinando o nada com nada. E ela fica na entrada da igreja!
Recentemente, acho que sentiram vergonha - será? -  e retiraram a tinta, rasparam a tinta a óleo e, o mármore lindo, reapareceu. 
Mármore não se pinta. Ou sim????
É a santa ignorância em um santo lugar.
Essas fotos foram feitas no ano passado.

Nenhum comentário:

Postar um comentário