domingo, 26 de junho de 2022

Gilberto Gil . Jornal Domingo Ilustrado . Outubro de 1971


 
O show não teve. Mas, imaginemos o que teria sido a reunião dos três num palco em SP. : Desbunde!

Aquele abraço para Gil!

quinta-feira, 9 de junho de 2022

Folha de guarda


As folhas de guarda dos livros antigos... tem coisa mais bonita e surpreendente nos desenhos e seus efeitos imitando mármore, alguns com estampas de cores numa mistura linda e sempre de bom gosto. É sempre um prazer pra mim quando abro um livro antigo, à vezes caindo aos pedaços e ver, apreciar a folha de guarda, sempre chiquérrimas abrindo as edições e dando aquela distinção. Compro muito livro só pelas folhas de guarda, escaneio e coloco aqui, depois passo adiante...não moro numa mansão.

Esta folha de guarda está em uma edição dos anos 50 de um dicionário luso - brasileiro da Larrousse, mas com cara dos anos 30.





 

sábado, 4 de junho de 2022

Um Muro e Duas Travessas Inglesas


Incrustadas no muro de uma antiga casa, essas duas travessas inglesas dão um toque maravilhoso ao local. Há anos que observo elas, pois sempre passo andando onde elas estão retiradas da sua natural serventia para decoração de muro de rua. A primeira oval é do tipo borrão, com aquele azul lindo e a de baixo uma travessa grande com motivos de flores e pássaros e contornada por uma linda guirlanda.

Bela ideia teve a criatura que aproveitou suas travessas já desgastadas e deu um outro destino, uma outra vida para elas.



 

segunda-feira, 30 de maio de 2022

Jorge Ben . Show no Copacabana Palace . Revista Interview . Anos 80


Um show de Jorge Ben ao vivo deve ser o máximo. Infelizmente nunca vi. Quero ver ainda!!!!!



Dona Mariazinha Guinle, chiquérrima, dando a nota na noite!

Gal Costa, seríssima!!!

Danuza Leão sempre o máximo e Cauby Peixoto que, por essa época, tinha  lançando um LP que foi sucesso total, o Cauby! Cauby!

Mila Moreira e Sílvia Bandeira. Lindas!!! 







 

domingo, 15 de maio de 2022

Dora . Dorival Caymmi . Quarteto em Cy . Bahia 1971


 Parte da trilha sonora para filme rodado na Bahia baseado em Capitães da Areia de Jorge Amado. Ultimamente redescobri O Quarteto em Cy, meu deus como elas cantavam bem!, e como eram afinadérrimas e de um repertório fantástico! 

Essa gravação de Dora, que não está em nenhum disco e em nenhuma coletânea do quarteto é, simplesmente, belíssima!!! Não me canso de ouvir aquelas vozes longínquas em uníssono tão perfeito, sofisticado, e ultra relaxante, cantando em inglês e arranjo bossa a Dora de Dorival Caymmi, música tão cantada, tão linda, mas que sempre surpreende em gravações sejam antigas ou novas. 

Essa versão do Quarteto em Cy é de 1971 e, no vídeo, surge a Bahia daquela época tão tranquila e calma, época em que se andava pelas ruas flanando sem hora pra ir e voltar e sem pensar que alguma coisa desagradável pudesse acontecer.

domingo, 8 de maio de 2022

Zuzu Angel


 Uma página do Antiguinho para Zuzu Angel. Ano passado quando foi comemorado os 100 anos da estilista, não coloquei nada aqui, aliás nesses anos todos não postei nada ou quase nada sobre Zuzu. O motivo? Queria achar nas papelanças minhas, nos jornais e revistas velhas e nos recortes empacotados, alguma coisa antiguinha, mas meio inédita, fotos e matérias que não estão dando sopa pelo Google. E comecei folheando a minha coleção de Domingo Ilustrado de 1971 na certeza que ali encontraria o que eu queria: Zuzu Angel em fotos, notícias e imagens "velhas", mas novíssimas!

Essa matéria reúne três figurinistas, estilistas e costureiros brasileiros, Guilherme Guimarães, Joãozinho Miranda - de quem eu nunca tinha ouvido falar - e Zuzu Angel que, além de tudo, era uma criadora de estamparias originais em tecidos com temas e cores sensacionais. Naquela coleção para 72, Zuzu Angel apresentaria pássaros brasileiros em azul, verde, amarelo e roxo nas estampas de seus vestidos para o mercado americano e brasileiro.

Em breve espero encontrar mais coisas para colocar, aqui, nesta página Zuzu Angel.















sábado, 30 de abril de 2022

Casas Tristes e Mortas


 Foto que fiz há bastante tempo desta parte frontal de uma belíssima casa em estilo eclético que fica na Rua Chile no centro de Salvador. Nunca mais passei por ali... Na época da foto ela já estava fechada e pedindo socorro: Restaurem-me!, Salvem-me!, Preservem-me!, Não me deixem cair!!!

 Espero que ainda esteja de pé.

Salvador, aliás, todas as cidades do Brasil estão perdendo as suas caras e, casas! Ontem passei pela frente de onde ficava o Colégio Sartre na Graça e o lindo casarão - eu já sabia do triste destino dele - já foi à pique! Rápido!!! No seu lugar deverá erguer-se um edifício, um centro comercial, qualquer coisa quadrada ou retangular que não lembre nada, que não remeta a nada, um espaço vazio que será preenchido pelo vazio que se transformou a vida atual.

O descartamento agora é pior, é aniquilamento mesmo. Apagamento. Passação de borracha.

(Imagem do Correio da Bahia).
Acima, imagem do Google, abaixo, fotos que fiz ontem, 10.05.2022.