domingo, 1 de novembro de 2015

Frans Krajcberg . O Grito do Artista







Enquanto estava na Corte li em O Globo esta matéria - 06.10.2015 - e fiquei mais admirador do artista e pensador(!)  Krajcberg pela lucidez com que ele fala do Brasil, do mundo e seus problemas atuais mais graves, os quais concordo e constato assim como ele: a falta de cultura, a crise moral, a alienação das pessoas, o descaso com o planeta em relação à sua conservação, ao clima. Etc. Etc.
Triste fiquei de saber um pouco sobre a sua vida, porque não sabia que ele era uma pessoa só, sem família, um sobrevivente da 2 guerra. Triste fiquei em saber que a sua defesa da preservação do lugar em que mora há muitas décadas, na Bahia "de meu deus", o fez uma pessoa non grata, mal vista, maldita e ameaçadora (!!!) no local. Triste. 
Triste fiquei em saber das agressões à sua pessoa, ao roubo de um "cordão", única lembrança material da mãe. Crueldade.
Bem, sei que ninguém mais para para ler, pois agora só se veem figuras, imagens. Textos só os curtos ou legenda mesmo, mas, quem quiser "perder" um tempinho e "ganhar" um pouquinho da sabedoria de Krajcberg é só ler o texto da matéria do jornal.
O sentimento que sinto eu expresso com uma frase já tão usada e banal em relação a muitas coisas e pessoas: "o Brasil não merece...". 
Lá vai ela: O Brasil não merece Krajcberg.
 


Nenhum comentário:

Postar um comentário